Orquídeas Terrestres – Tipos, Espécies e Cultivo

Neste artigo vamos falar sobre orquídeas terrestres. Começaremos com a definição e as características deste tipo de orquídea, e continuaremos com seu habitat e origem.

Terminaremos com os cuidados básicos que você deve dar a este tipo de orquídea.

Características Das Orquídeas Terrestres

Orquídeas terrestres são orquídeas que crescem no solo porque suas raízes crescem abaixo do solo, portanto, seus caules são geralmente mais eretos. Desta forma, eles obtêm os nutrientes e a água que precisam diretamente do solo.

Além disso, como resultado de seu desenvolvimento no solo, desenvolvem-se tubérculos dos quais a própria planta se alimenta. Às vezes os tubérculos mudam de cor de branco para preto, indicando que a planta foi bem nutrida durante todo o ano.

Uma característica única desta flor é sua capacidade de florescer por um longo tempo se as condições de crescimento forem ótimas. Floresce em todas as estações do ano. Este tipo de orquídea está disponível nas cores branco, pêssego, rosa, roxo, amarelo e magenta.

Tipos De Orquídeas Terrestres

Estas flores são de dois tipos, a chinesa (Bletilla hyacinthina) e a malaia (Spathoglottis plicata). Esta última espécie é mais popular na indústria de flores, principalmente devido a sua natureza resistente ao frio e longo período de floração.

Este tipo de orquídea cresce em qualquer tipo de solo e ambiente, porém, são mais comuns em zonas temperadas. Por causa disso, eles são os preferidos das pessoas em suas casas, pois se adaptam facilmente a qualquer tipo de solo.

Como existem tantas variedades de orquídeas terrestres, aqui vamos indicar quais são as mais vistosas e procuradas para se ter. Entre os que se destacam estão os Spiranthes odorata.

Outros exemplos de orquídeas terrestres são as orquídeas Cymbidium, Ladyslipper e Jewel Orchids.

tipos orquídeas terrestres

Origem E Habitat Das Orquídeas Terrestres

Alguns são encontrados em solos silvestres, enquanto outros colonizam antigas dunas. Outras espécies crescem em pântanos e encostas de pântanos ou em esteiras de pedestres flutuando em antigos lagos glaciais. Outros podem ser encontrados em solos de base mineral, como o Cypripedium californium, que cresce em solos meandrosos de pântanos de infiltração no norte da Califórnia e áreas adjacentes do Oregon.

Orquídeas terrestres nativas dos barrens rochosos de pinheiros da região de Everglades no sul da Flórida crescem em uma fina camada de detritos orgânicos sobre a rocha calcária pura e marga.

Mais uma vez, podemos ver que a diversidade dentro de qualquer categoria de plantas é muitas vezes extrema, e as generalizações não são adequadas para descrevê-las.

Muitos receberam o nome de orquídeas resistentes porque algumas espécies com floração colorida são encontradas em regiões temperadas. É claro que nem todas as orquídeas terrestres são de climas temperados, de fato, elas podem ser encontradas tão ao norte quanto o Círculo Ártico e tão ao sul quanto a Patagônia. Eles vivem em qualquer zona climática, do tropical ao sub-ártico.

O Melhor Vaso Para Orquídeas Terrestres

Os vasos para orquídeas terrestres precisam ter características muito diferentes dos vasos para orquídeas epífitas ou litófitas.

Um tipo ideal de vaso para orquídeas terrestres são vasos de plástico, pois este material permite que o substrato não areje tanto quanto outros materiais. Desta forma, o substrato permanecerá úmido por um longo tempo, e permitirá que as raízes permaneçam sempre úmidas.

Outra dica importante é escolher potes pequenos, pois eles não precisam de muito espaço. Basta que eles tenham um espaço em que possam se encaixar.

Outra opção para orquídeas terrestres são vasos de barro ou de terracota.

>>>> OFERTA Melhores Vasos Para Orquídeas Terrestres <<<<

Substrato Para Orquídeas Terrestres

As orquídeas terrestres, como mencionado acima, crescem diretamente no solo. Mas isto não significa que um substrato de planta universal seja adequado para estas orquídeas, e você precisará de um substrato de orquídea especial para sua planta.

>>>> OFERTA Sustrato Para Orquídeas Terrestres <<<<

Cuidados E Necessidades Das Orquídeas Terrestres

Ao contrário das espécies comuns de orquídeas, a orquídea terrestre é naturalmente adaptada ao solo terrestre. Cultivar e cuidar desta flor é fácil, tornando-a uma planta de jardim favorita para iniciantes e hobistas.

cuidados e necessidades-das orquídeas terrestres

Requisitos De Iluminação

O melhor local de plantio para esta planta é uma área totalmente iluminada pelo sol em regiões mais frias e um local parcialmente sombreado para condições climáticas quentes.

Portanto, selecione um local de plantio adequado em seu jardim. Se você estiver cultivando-o em um vaso, então a localização não é um problema. Você sempre pode mover uma planta em vaso da luz do sol para a sombra e vice-versa.

Frequência De Irrigação

Durante a estação de crescimento, a rega regular é uma obrigação para induzir o máximo desenvolvimento da flor. Entretanto, é preciso deixar secar a camada superior do substrato entre as regas.

Na natureza, estas plantas prosperam bem com altos níveis de umidade e solo úmido. Portanto, você pode ajustar o solo e as condições de cultivo para imitar seu habitat.

Fertilizantes E Adubos Para Orquídeas Terrestres

Orquídeas terrestres requerem menos esforço e cuidado em comparação com outros tipos de orquídeas. No que diz respeito à fertilização, complementar o solo com um fertilizante líquido de liberação lenta em dose adequada antes que os botões das flores se desenvolvam.

>>>> OFERTA Fertilizantes E Adubos <<<<

Outras Instruções De Cuidado Para Orquídeas Terrestres

Uma das principais preocupações com estas plantas é que elas não podem tolerar condições climáticas extremamente frias. Se você vive em uma área fria, tente proteger as plantas na estação do inverno.

Durante a época de floração, remover caules e flores mortas para promover a produção de mais botões de flores.

Quando suas orquídeas de solo estiverem bem estabelecidas e maduras, você pode considerar propagá-las pelo método de divisão. Para fazer isso, dividir a planta-mãe grande em grupos menores sem danificar as raízes, e plantar cada grupo individual em vasos separados, ou no solo.

Se você gosta de orquídeas, recomendamos nosso artigo sobre orquídea cara de macaco.

como cuidar orquídeas terrestres