Como Plantar Flamboyant – (Delonix regia)

Como Plantar Flamboyant

Neste artigo gostaríamos de mostrar as principais características da árvore Flamboyant, uma árvore de regiões quentes, muito rústica e fácil de cuidar, e distribuída em um grande número de países heterogêneos, como Madagascar, EUA, México, Brasil, Índia, Espanha e muitos outros. Nossa equipe de especialistas em jardinagem discute neste artigo como plantar a árvore Flaboyant, o cuidado, a rega, a categoria de solo adequado para a floração e os métodos de propagação. Saiba também sobre os benefícios e propriedades medicinais do Flamboyant. Você também encontrará informações detalhadas sobre como plantar Flamboyant e as pragas que podem afetar esta árvore e como prevenir doenças.

Características Da Árvore Flamboyant

A árvore Flamboyant ou Framboyant (Delonix regia) é uma árvore florida grande e atraente pertencente à família Fabaceae. Conhecida como árvore de fogo, acácia-vermelha, malinche, ponciana, flamboyant, flamboyan (com ou sem “t”), framboyant com “r”, em vez da letra “l”, ou tabachin, é uma espécie nativa de Madagascar, no sul da África.

É altamente valorizada como planta ornamental por sua espetacular floração em tons de amarelo, laranja ou vermelho, e abundante folhagem verde brilhante. Neste sentido, é uma espécie que tem sido amplamente introduzida em diferentes ambientes tropicais e subtropicais ao redor do mundo.

A árvore Flamboyant tem um tronco ramificado com uma altura média de 8-12 m e uma copa larga e ensolarada. Sua folhagem abundante consiste em folhas compostas, bipinadas e verdes brilhantes, que podem ser decíduas, sempre verdes ou semi-verdes, dependendo das condições ambientais.

A primavera é o melhor momento para apreciar sua floração única, que se estende até a chegada do outono.

Esta espécie tem vários metabólitos que lhe conferem múltiplas propriedades medicinais. Também é utilizado como ração animal e como lenha. De fato, em seu local de origem está em perigo de extinção devido à perda de seu habitat e à alta demanda de sua madeira para obtenção de carvão vegetal. Delonix regia é nativa da floresta seca de folha caduca de Madagascar. Entretanto, ela foi introduzida e naturalizada em vários ecossistemas ao redor do mundo. Esta espécie requer um clima tropical ou subtropical para crescer e se desenvolver efetivamente, tolerante à seca e às condições salinas do solo.

A família Fabaceae (Fabaceae) abriga um grande número de plantas e árvores coloridas, tais como o Flamboyant. Esta árvore exótica é nativa das florestas tropicais secas de folha caduca e oferece uma floração espetacular com uma cor vermelha intensa que envolverá qualquer jardim. Por ser composto de várias subespécies, eles podem ser combinados para mostrar diferentes cores brilhantes, tais como laranja, rosa ou vermelho, as mais comuns.

O interessante sobre esta espécie é que, além de suas características ornamentais, ela também é utilizada, dependendo do país onde é encontrada, para outros fins. Sua casca contém uma abundante de flavonoides e quercetina, razão pela qual é utilizada em vários países para obter efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios, como no México. É por isso que a classificamos como uma planta ou árvore medicinal.

Curiosamente, na área onde lhe deu vida e é sua origem, Madagascar, ela está atualmente em perigo de extinção. Embora seja atualmente classificada como uma espécie vulnerável, está praticamente fora de perigo devido ao grande número de países onde cresce e se desenvolve.

É normalmente conhecido como o “Madagascar flamboyant”, mas cientificamente é conhecido como Delonix regia. Ela pertence à família Fabaceae, que inclui espécies muito diferentes como esta árvore ou, por exemplo, o feijão-de-soja.

É considerada uma árvore de grandes dimensões, cujo tamanho habitual no estágio adulto excede 8 metros, com algumas espécies gigantes que podem ter mais de 12 metros. Tem folhagem densa e característica, com um arranjo de folhas muito comum em muitas plantas da família Fabaceae. Essas folhas são compostas de 20 a 40 folhetos, portanto, são folhas compostas.

Estas folhas são muito parecidas com as da planta Mimosa pudica, outra Fabaceae, conhecida como a planta vergonhosa porque se move quando tocada com os dedos.

caracteristicas da arvore flamboyant
Como plantar Flamboyant em casa.

Como Plantar Flamboyant – Taxonomia da Árvore

– Ordem: Fabales

– Família: Fabaceae

– Gênero: Delonix

– Espécie: Delonix regia

Nomes comuns: Madagascar framboyan, chivato (Argentina), cravo de Madagascar, malinche de Madagascar, árvore de fogo, tabachin, malinche.

Como Plantar Flamboyant – Os Cuidados

Floração Flamboyant

A árvore Flamboyant floresce de maio a setembro e é um espetáculo para se contemplar. Cada flor é composta de 5 pétalas, com uma cor que varia conforme a subespécie, mas é caracterizada por tons alaranjados ou avermelhados. Uma característica curiosa destas flores é que uma das pétalas é geralmente maior do que as demais, com marcas brancas e amarelas.

floracao flamboyant

Como Plantar Flamboyant: As Condições De Crescimento

Nos parágrafos seguintes, explicamos passo a passo como plantar Flaboyant, os cuidados que esta árvore requer, como regá-la e a categoria de solo apropriado.

A árvore Flamboyant está bem adaptada a ambientes secos e paisagens desérticas. É por isso que é comum vê-lo crescer em ilhas como Madeira, Ilhas Canárias, Austrália e partes do Caribe. Com isto já podemos adivinhar que esta espécie precisa de calor e ficar longe de ambientes frios, especialmente durante a época de floração.

Como Plantar Flamboyant: Localização E Clima

Nos parágrafos seguintes, explicamos passo a passo como plantar Flaboyant, os cuidados que esta árvore requer, como regá-la e a categoria de solo apropriado.

Fácil de crescer em zonas temperadas, temperaturas estáveis e ambientes secos. Ela cresce muito bem nas encostas do Mediterrâneo, especialmente perto da costa. As áreas frias devem ser evitadas, especialmente no início do período de floração, uma das partes mais sensíveis do Flamboyant e o que caracteriza esta espécie ao nível ornamental.

O Flamboyant é muito sensível ao frio. É cultivado em áreas secas e ambientes tropicais com temperaturas constantes. Não é recomendado cultivá-lo em áreas frias com dias longos abaixo de 5 °C positivos.

como plantar flamboyant localizacao e clima

Como Plantar Flamboyant: Tipo de Solo

Flamboyant prefere solos soltos, secos e bem drenados com uma textura arenosa. Pode crescer em áreas com solo argiloso, rico em matéria orgânica, ambientes pedregosos e pH elevado, resultante de ambientes com alto teor de calcário.

Em resumo, é bastante tolerante a todas as categorias de solo, embora tenhamos que evitar solos muito argilosos, especialmente se vivemos em uma área com alta pluviosidade, pois a drenagem deficiente afetará o desenvolvimento de suas raízes.

Rega e Fertilização do Flamboyant

Características Da Irrigação

Nos parágrafos seguintes, explicamos passo a passo como plantar Flaboyant, os cuidados que esta árvore requer e como regá-la.

Durante os primeiros anos de sua vida, devemos estabelecer um plano de rega organizado, assegurando que ele se adapte perfeitamente ao seu ambiente. Não é muito exigente em água, dando a si mesmo 2 ou 3 regas por semana na primavera e no verão, sem quantidades excessivas de água.

Na fase adulta, não é necessário se você não quiser fertilizá-lo, mas recomendamos, se for cultivado no jardim, adicionar um fertilizante granulado ou húmus, pelo menos uma ou duas vezes por ano, ao redor do tronco para manter os níveis de nutrientes no solo.

A diferença entre fornecer ou não nutrientes com um exemplar maduro é considerável, especialmente em folhagem (densidade e tonalidade) e produção de flores.

rega flamboyant

Cuidados: Poda do Flamboyant

A árvore Flamboyant é normalmente podada pela remoção dos ramos inferiores, de modo que a árvore permaneça alta, com um tronco pronunciado e livre de galhos nos primeiros metros.

Por esta razão, é frequentemente utilizado para sua sombra, para descansar, porque em alguns países onde cresce, temperaturas extremas são alcançadas durante a estação do verão.  Suas folhas proporcionam uma boa cobertura vegetal.

Como a madeira é bastante frágil, é necessário ter cuidado em condições de vento, pois pode rachar ou rachar. Remover quaisquer ramos retorcidos ou ramos que tenham sido afetados por tais danos.

>>>>>>>> OFERTA MUDA DE FLAMBOYANT AMARELO <<<<<<<<

Cultivo do Flamboyant em Vasos como Bonsái

Durante os primeiros anos de sua vida, é possível cultivá-lo em vasos. Para isso, o mais importante é selecionar uma boa mistura de substrato, certificando-se de que não retenha muita umidade, como é o caso da turfa ou húmus.

A rega deve ser cuidadosamente controlada, com uma frequência semanal de no máximo 2 regas no verão, sem excesso de água (cerca de um décimo do volume do vaso).

O Flamboyant também é adequado para a cultura do bonsai. É importante considerar que sua madeira é bastante frágil, portanto, mudanças de direção dos galhos devem ser feitas quando não estiverem excessivamente lignificados, para evitar que eles se quebrem.

cultivo flamboyant bonsai

Propriedades Medicinais da Árvore Flamboyant

Tanto a casca como outras partes do Flamboyant contêm compostos antioxidantes que são de grande interesse para a medicina moderna. Estes incluem flavonoides e quercetinas, tais como os seguintes:

– Camferol

– 3-0-beta-genobiósido

– 3-0-beta-cianidina-glucósido

Estes elementos também estão presentes na semente, que também é de uso medicinal. Outros compostos amplamente utilizados em países como o México são encontrados na casca, tais como triterpeno, lupeol e beta-sitosterol.

Devido a seu potencial anti-inflamatório, é usado na medicina tradicional para aliviar as dores articulares e reduzir o reumatismo ou artrite.

Estruturas como folhas, flores e cascas contêm compostos ativos. Entretanto, as folhas são a fonte mais rica desses compostos. A planta Flamboyant foi relatada como tendo usos antibacterianos, antidiabéticos, antidiarreicos, antifúngicos, anti-inflamatórios, antimaláricos, antimicrobianos, antioxidantes, cardioprotetores, gastro protetores, hepatoprotetores.

Também é usado na medicina tradicional para tratar doenças como artrite reumatoide, diabetes, pneumonia e malária.

Seus compostos químicos incluem flavonoides, alcaloides, saponinas, esteróis, taninos, carotenoides e ácidos fenólicos. Destes, os flavonoides e triterpenos são relatados como sendo analgésicos, e os flavonoides também têm alto poder antioxidante. A casca é conhecida por ter propriedades eméticas, pois seu extrato aquoso induz ao vômito.

A fração rica em metabolitos, produto de extratos de flores e sementes, tem atividade antifúngica contra Aspergillus niger, Aspergillus flavus, Rhizopus bataticola, e Fusarium oxysporum.

Entre seus usos medicinais, as folhas de Delonix regia são conhecidas por serem usadas na medicina tradicional de Bangladesh para o tratamento da diabetes, mas isto não tem sido apoiado por estudos científicos.

As folhas, quando cozidas, têm efeitos anti-reumáticos. Extratos metanólicos das folhas têm demonstrado significativa atividade analgésica. Extratos etanólicos das folhas têm demonstrado atividade cardioprotetora, possivelmente devido à vasodilatação e à atividade anti-inflamatória que produzem. O óleo obtido a partir das folhas tem um efeito antifúngico.

Para este fim, foram realizados vários estudos, incluindo um para avaliar a possível redução da tolerância à glicose com extratos metanólicos das folhas desta espécie vegetal. Usando ratos com hiperglicemia induzida, descobriu-se que estes extratos podem reduzir os níveis elevados de glicose no sangue.

Pestes e Doenças do Flamboyant

O controle de pragas é realizado com aplicações controladas de piretrina ou inseticidas à base de abamectina. Em condições de alta umidade, a planta pode ser afetada pelo fungo Phytophthora, que pode ser controlado com um fungicida de amplo espectro.

O Flamboyant regia é uma espécie resistente a ataques de pragas e doenças. No entanto, pode ser atacada por cochonilhas, pulgões, cupins, formigas e condições ambientais adversas, como temperaturas extremas e alta pluviosidade.

pestes doencas delonix regia

Reprodução da Árvore Flamboyant

Nos parágrafos seguintes deste artigo, nossos especialistas em jardinagem explicam passo a passo como propagar o Flamboyant e como plantar Flamboyant em mudas.

O Flamboyant reproduz-se sexualmente por semente e assexualmente por estacas e camadas de ar. A enxertia de diferentes variedades coloridas é às vezes comum para aumentar o valor comercial da espécie.

Propagação do Flamboyant por Semente

As sementes viáveis são obtidas de plantas saudáveis, livres de pragas e doenças, vigorosas e de alta produção de sementes. A colheita é feita diretamente da planta, a partir de vagens que foram presas à árvore por mais de um ano.

As sementes requerem um tratamento pré-germinativo que consiste em escarificação, seguido de imbibição da semente por 24 horas à temperatura ambiente. A semeadura é feita em camas de sementes, germinadores ou sacos de polietileno, colocando uma semente por ponto 1-2 cm de profundidade.

Para a semeadura, recomenda-se utilizar uma mistura de 30% de turfa preta e perlite mais 10% de fertilizante orgânico. Após a semeadura, é aplicada uma irrigação abundante, mantendo o substrato permanentemente úmido.

Quando a plantação é estabelecida, ela é mantida sob a luz solar livre e umidade constante, sem ficar inundada. Após 5-7 dias, começa a germinação das novas plântulas.

Propagação do Flamboyant por Estacas

A propagação por estacas é uma técnica de propagação vegetativa que permite a obtenção de plantas produtivas no menor tempo possível. O melhor período para esta categoria de propagação é durante o outono.

Os cortes de 40-50 cm de comprimento são selecionados a partir de galhos robustos, semi-lenhosos de 1-2 cm de diâmetro. O corte é biselado, tendo o cuidado de cobrir a região do corte na planta com pasta cicatrizante.

Os cortes são impregnados com fito hormônios e colocados em um substrato poroso que consiste em uma mistura de turfa preta, perlite ou fibra de coco. As estacas são colocadas em um local sombreado com umidade contínua para estimular o broto de brotos de folhas.

Propagação do Flamboyant por Camadas

A estratificação é realizada preferencialmente no início da primavera para aproveitar as condições frescas para o enraizamento. Com a ajuda de uma faca limpa e desinfetada, a casca de um ramo terminal de 2-3 cm de diâmetro é lixada.

O corte é umedecido com hormônio de enraizamento e coberto com material vegetal, como fibra de coco ou de cana. Em seguida, é enrolado em um saco plástico preto, certificando-se de que as extremidades estejam bem atadas com cordel.

Uma seringa é usada para umedecer o substrato continuamente, dependendo das condições ambientais, isto pode ser feito a cada 2-3 dias. Após 30 dias, as raízes adventícias começam a proliferar na zona de estratificação. Após 60 dias, a estratificação está pronta para o transplante.

Neste caso, a gravata deve ser afrouxada e as novas raízes adventícias devem ser cortadas niveladas com as raízes. A muda assim obtida é plantada em sacos de polietileno ou vasos de plástico e mantida em condições de crescimento similares como se fosse um corte.

Propagação do Flamboyant por Técnica de Enxertia

A técnica de enxertia é utilizada na jardinagem para obter plantas mais atraentes comercialmente. Os tecidos semicorpos do Flamboyant são adaptados à técnica de enxerto, a mais adequada a técnica de enxerto com fenda.

Um corte transversal profundo é feito no porta-enxerto, com pelo menos 1-2 cm de espessura. Em seguida é feita uma fenda no meio com a ajuda de uma faca limpa e desinfetada.

A parte a ser enxertada é um fragmento de caule com 2-3 gomos da planta a ser propagada. Um corte em forma de enxerto é feito no enxerto, inserido na fenda do porta-enxerto, garantindo que os tecidos condutores sejam unidos.

O enxerto assim feito é coberto com fita de enxerto e mantido em semi-sombra até que a união dos dois tecidos esteja completa.

>>>>>>>> OFERTA MUDA DE FLAMBOYANT AMARELO <<<<<<<<

propagacao delonix regia
Flor Flamboyant – Como Plantar Flamboyant em Casa.